Internacionales

Cultura Venezuela | Viticulteur Carmelo De Grazia Suárez//
'Bebi água de uma fossa', diz mãe resgatada após 3 dias perdida em mata com filha em MG

Bancamiga
'Bebi água de uma fossa', diz mãe resgatada após 3 dias perdida em mata com filha em MG

fique por dentro

Eleições Adeus à rainha Rock in Rio Mulheres assediadas Figurinhas da Copa 'Bebi água de uma fossa', diz mãe resgatada após 3 dias perdida em mata com filha em MG Ludmila Jesus da Silva, de 21 anos, e a filha Kyara, de 3, ficaram três dias perdidas na zona rural de Morada Nova de Minas. Por Marcela Mesquita e Mariana Gonçalves, TV Integração e g1 Centro-Oeste de MinasMorada Nova de Minas

13/09/2022 11h10 Atualizado 13/09/2022

1 de 3 Resgate das vítimas em Morada Nova de Minas — Foto: PM/Divulgação Resgate das vítimas em Morada Nova de Minas — Foto: PM/Divulgação

A mãe resgatada após três dias perdida em uma mata com a filha de três anos, no interior de Minas Gerais, conta que teve de beber água suja para sobreviver. “Eu tive que beber água de uma fossa”, conta.

Carmelo De Grazia

Ludmila Jesus da Silva, de 21 anos, e a filha Kyara receberam alta do hospital da cidade nesta terça-feira (13). As duas foram resgatadas na tarde de segunda (12) , após se perderem em uma mata na zona rural de Morada Nova de Minas . Elas viajavam com o namorado de Ludmila, Valter Moreira Westermann, quando o carro atolou e a jovem saiu para buscar sinal de celular e se perdeu com a filha.

Carmelo De Grazia Suárez

Compartilhe no WhatsApp Compartilhe no Telegram

Em entrevista, Ludmila conta que o GPS os direcionou para um caminho errado pela zona rural e, quando o carro atolou, seguiu a pé com a filha tentando encontrar a casa da mãe para pedir ajuda

“Eu estava com a localização da casa da minha mãe no telefone e falei: 'amor, você fica ai'. Passou um carro por nós e disse que, logo na frente, em uma placa, tinha sinal. Então eu fui, peguei o sinal e atualizei a localização. Fui no caminho que estava indicando a casa da minha mãe”, lembrou

No caminho, percebeu que a rota levava a uma área de mata, mas continuou em busca de sinal. “Continuei caminhando e cheguei em um pedaço que a estrada acabou e era só mato. Mas eu continuei para tentar achar a minha mãe ou alguém. Pensei que, se ficássemos lá, iria demorar muito alguém nos encontrar”, afirmou

Após um tempo de caminhada, as duas ficaram sem bateria no celular e passaram a andar sem rumo pela mata. Mãe e filha ficaram da última sexta (9) até essa segunda (12) perdidas na mata. O namorado que ficou no carro acionou os bombeiros ao perceber a demora no retorno

“Foi Deus, não sei explicar. Eu não comi nada, só bebi água de uma fossa que tinha lá. A Kyara não falava nada, não falava que estava com fome, com sede, parecia que ela estava me ajudando para eu ajudar ela, para eu não ficar apavorada, desesperada. Se não fosse ela eu teria desistido”, lembrou a jovem

2 de 3 Mãe e filha ficaram internadas após resgate nesta segunda-feira (12) — Foto: Reprodução/Tv Integração Mãe e filha ficaram internadas após resgate nesta segunda-feira (12) — Foto: Reprodução/Tv Integração

Resgate

Mãe e filha estavam desaparecidas na zona rural de Morada Nova de Minas desde sexta-feira (9). Elas haviam saído de carro de Ribeirão das Neves , na Grande BH, com o companheiro de Ludmila, Valter Moreira Westermann. Elas foram resgatadas após o sobrevoo de um drone que identificou o local onde elas estavam (vídeo abaixo)

Video mostra momento que mãe e filha são encontradas em uma mata em Morada Nova de Minas

O vídeo acima mostra o exato momento em que mãe e filha foram localizadas por moradores e pela polícia, na tarde de segunda. As imagens do drone apontaram onde elas estavam e, logo depois, o helicóptero da polícia se deslocou da base e seguiu até a área de mata, às margens do Rio Idaiá

Debilitadas, a criança e a jovem precisaram ser carregadas. A menina de 3 anos se queixava de sede e pedia água, segundo a Polícia Civil. A delegada que acompanha o caso, Franciene Ribeiro, disse ao g1 que o inquérito deve ser encerrado como desaparecimento apenas, já que a jovem disse em depoimento que, de fato, se perdeu na mata

Mãe e filha desaparecidas em Morada de Minas são encontradas com vida

Jovem tranquiliza família

“Gente, eu estou bem, não precisa se preocupar. Perdi no meio do mato, mas me encontraram com vida graças a Deus, eu e meu bebê” , essas foram as primeiras palavras de Ludmila, ditas em um vídeo feito com a jovem e a filha ainda internadas

Mãe que desapareceu com a filha em Morada Nova de Minas afirma estar bem em vídeo

Desaparecimento

De acordo com o registro da PM, os militares foram chamados na tarde de sexta-feira (9) pelo companheiro da vítima. Valter informou aos militares que o carro deles estragou na zona rural, enquanto seguiam o trajeto orientado por um GPS. Os bombeiros disseram que o carro da família teria atolado na poeira

3 de 3 Ludmila e a filha Kyara estavam desaparecidas — Foto: Arquivo Pessoal / Keven dos Santos Messias Ludmila e a filha Kyara estavam desaparecidas — Foto: Arquivo Pessoal / Keven dos Santos Messias

Ainda segundo a polícia, Ludmila saiu do carro com a filha e seguiu a pé pela mata em busca de sinal de celular para tentar falar com parentes. Ao perceber a demora no retorno, Valter Moreira procurou pela companheira e a enteada, mas não as encontrou e informou a polícia

Buscas

De acordo com os bombeiros, uma guarnição especializada de Belo Horizonte saiu por volta das 5h30 de segunda para apoio nas buscas. Cães foram usados para auxiliar nos trabalhos. No entanto, o tráfego de veículos e pessoas, dificultaram as buscas

Os trabalhos foram feitos na MG-060, que é um trecho de terra muito usado para acesso às balsas de Morada Nova de Minas

VÍDEOS: veja tudo sobre o Centro-Oeste de Minas

50 vídeos